Categorias
Perspectivas em Saúde

Desfazendo mitos sobre as vacinas — parte III

Por Gustavo Martins-Coelho Vamos hoje falar mais um pouco de vacinas. Na semana passada [1], iniciei a questão dos ingredientes que compõem uma vacina, para explicar que não só o mercúrio, na forma química existente nas vacinas, não faz mal nenhum, como, além disso, há mais duma década que não há, sequer, mercúrio em nenhuma […]

Categorias
Perspectivas em Saúde

Desfazendo mitos sobre as vacinas — parte II

Por Gustavo Martins-Coelho Prosseguindo com o tema dos mitos associados às vacinas, depois do autismo [1], os ingredientes. Como eu expliquei em tempos, as vacinas servem para mostrar ao organismo um micróbio, permitindo-lhe preparar as suas defesas contra esse micróbio. «Mostrar um micróbio ao organismo» significa introduzir no organismo esse mesmo micróbio, vivo (mas atenuado, […]

Categorias
Perspectivas em Saúde

Desfazendo mitos sobre as vacinas — parte I

Por Gustavo Martins-Coelho Tudo o que eu disse nas últimas crónicas sobre vacinas [1] culmina hoje com a discussão e a desmontagem dos mitos mais frequentes sobre vacinas, mitos esses que levam algumas pessoas a preferir não se vacinarem, ou a não vacinarem os filhos. A primeira dúvida tem que ver com a necessidade de […]

Categorias
Perspectivas em Saúde

Como funcionam as vacinas

Por Gustavo Martins-Coelho Continuando a falar de vacinas [1], quero hoje explicar como funciona uma vacina e, para isso, é inevitável falar de sistema imunitário. Se o nosso corpo fosse um país, cada célula que o compõe seria um cidadão (o que significa que o nosso corpo-país seria mais populoso do que a China, porque […]

Categorias
Perspectivas em Saúde

As vacinas fazem ficar doente — e isso não é mau

Por Gustavo Martins-Coelho Na minha última crónica, contei a história da primeira vacina [1], a propósito duma página que encontrei no Facebook [2]. Em resumo, o que o inventor da primeira vacina descobriu foi que podia expor deliberadamente pessoas saudáveis a um agente infeccioso — o vírus vaccinia — e com isso induzir protecção contra […]

Categorias
Perspectivas em Saúde

Se é falso, é para apagar

Por Gustavo Martins-Coelho   Nem de propósito, tinha prometido falar sobre vacinas, na minha última intervenção [1] neste espaço [2], e, entretanto, esta semana dei de caras com uma página no Facebook intitulada «Vacinas — por uma escolha consciente» [3]. Sou imensamente a favor das escolhas conscientes. Não gosto de fazer coisas porque sim, ou […]

Categorias
Perspectivas em Saúde

«Vacinar ou não vacinar?» ou um manual de estupidez

Por Gustavo Martins-Coelho   A minha última crónica, antes das férias que entretanto gozei e explicam o silêncio recente, terminou com as vacinas como objecto do dia [1]. Já andava para falar de vacinas há algum tempo, desde o início do surto de sarampo em Portugal [2] e da polémica em torno da jovem não […]

Categorias
Perspectivas em Saúde

Carreira médica e incentivos

Por Gustavo Martins-Coelho   Na semana passada [1], abordei a questão da necessidade de abertura dos concursos de progressão na carreira médica. Hoje, acrescento que a carreira médica tem de ser revista, incluindo em termos de grelha salarial, pois, tal como referi no início do mês passado [2], os médicos ganham pouco, proporcionalmente ao resto […]

Categorias
Perspectivas em Saúde

Descanso compensatório e carências

Por Gustavo Martins-Coelho Quando falei das reivindicações dos médicos relativamente às horas extraordinárias [1] e à duração dos turnos de urgência [2], esqueci-me dum pequeno pormenor: para além de trabalharem menos horas no total e menos horas de forma consecutiva, os médicos também querem poder descansar entre turnos. A lei portuguesa é, em geral, bem […]

Categorias
Perspectivas em Saúde

Se toda a gente diz, deve ser verdade — ou não!

Por Gustavo Martins-Coelho Toda a gente diz que há falta de médicos em Portugal. Menos as pessoas que percebem do assunto. Vá — e quem conhecer a Pordata [1]: basta uma consulta rápida para ver que Portugal tem 442 médicos por 100.000 habitantes, enquanto a Alemanha tem 411; a Bélgica 298; a própria Espanha, que […]